Qual é o conceito de lucro?

O que é o lucro? O termo correto é lucro líquido, ou seja, aquilo que sobra sem a incidência futura de tributos ou despesas. Esse é o valor final que obtemos após todas as deduções de custos, taxas e gastos. A margem de lucro tende a variar de acordo com o negócio.

O que é o lucro na contabilidade?

O Lucro Contábil nada mais é do que o lucro apurado na chamada Demonstração do Resultado do Exercício (DRE), ou seja, após ser conflitado as receitas com as despesas da empresa será apurado seu lucro, caso a empresa seja do regime Lucro real, ainda será descontado os IRPJ (Imposto de Renda da Pessoa Jurídica) e a CSLL …

O que é lucro na administração?

O lucro normal representa o custo de oportunidade total (explícito e implícito) de uma empresa de um empreendedor ou investidor, enquanto o lucro econômico é, pelo menos na teoria neoclássica, que domina a economia moderna, a diferença entre a receita total da empresa e todos os custos, inclusive o lucro normal.

O que é a teoria do lucro?

Teoria do lucro: estudo sobre as diferentes perspectivas de mensuração de lucro como apoio à tomada de decisão.

Quais os tipos de lucro na contabilidade?

Da mesma maneira que existem três tipos comuns de lucros, também existem três margens de lucro: a margem de lucro bruto, a margem de lucro operacional e a margem de lucro líquido.

Como é calculado o lucro contábil?

Basicamente, o lucro é a diferença entre o faturamento obtido com as vendas de um produto ou serviço e os custos de execução do trabalho (a fórmula para calcular é: lucro bruto = receitas totais – custos).

Por que o conceito de lucro é considerado subjetivo para a maioria dos usuários?

O lucro econômico é um conceito mais amplo e pressupõe maior subjetividade, à medida que envolve expectativas futuras, constituindo uma informação mais rica do que o lucro contábil, capaz de suprir, adequadamente, os modelos de decisão dos usuários da informação contábil.

Qual a diferença entre lucro real presumido e arbitrado?

O Lucro Arbitrado é o mais usualmente adotado por iniciativa do Fisco, mas também pode ser usado a partir do movimento da própria empresa enquanto contribuinte. … Nesses casos, a determinação das bases de cálculo de IRPJ e CSLL é similar à do lucro presumido, com acréscimo de 20%.

O que é Lucro Presumido e lucro arbitrado?

O Lucro Arbitrado corresponde a um cálculo do imposto de renda utilizado pela autoridade tributária ou pelo contribuinte. Isso acontece quando a pessoa jurídica deixa de cumprir as obrigações acessórias determinadas pelo Lucro Presumido ou Real, como a não apresentação de documentos ou, até mesmo, por fraudes fiscais.

Quais os lucro de uma empresa?

lucro bruto = receitas totais – custos variáveis

Como exemplo, pense em um comércio que trabalha com a venda de material de construção. Um saco de cimento é vendido ao cliente final por R$ 20, mas sua aquisição para revenda é de R$ 15. Assim, o lucro bruto dessa empresa é de R$ 5 por item.

O que é lucro real e presumido?

O que é Lucro Presumido? O Lucro Presumido também visa o cálculo de quanto uma empresa deve pagar de IRPJ, CSLL. Porém, isso é feito de forma mais simples que no Lucro Real. O cálculo desse regime tributário tem como base uma tabela fixa de presunção para tributação para o IRPJ e para a CSLL.

O que é o lucro arbitrado?

LUCRO ARBITRADO. O arbitramento de lucro é uma forma de apuração da base de cálculo do imposto de renda utilizada pela autoridade tributária ou pelo contribuinte.

Qual a diferença entre lucro real Lucro Presumido e Simples Nacional?

No caso do Simples Nacional, há o pagamento de oito impostos (IPRJ, CSLL, CPP, ISS, ICMS, IPI, PIS/Pasep e Cofins) em uma só guia. Já no caso da tributação por Lucro Presumido, aplica-se um percentual (que varia de 1,8 a 32%) ao valor da receita bruta.

O que é uma empresa de lucro Real?

O Lucro Real é um regime de tributação cujo cálculo é feito com base no lucro líquido da empresa durante o período a ser apurado, que pode ser de forma trimestral ou anual. Uma das principais vantagens deste sistema tributário é que os valores aumentam ou diminuem conforme o lucro registrado da empresa.

O que é melhor Lucro Presumido ou real?

Veja as principais diferenças entre o Lucro Presumido e o Lucro Real.
  1. Complexidade do regime tributário. O Lucro Presumido é bem mais simples do que o Lucro Real, pois não exige um controle contábil tão rigoroso e tem obrigações acessórias mais básicas. …
  2. Alíquotas do IRPJ e CSLL. …
  3. Alíquotas do PIS/COFINS e deduções.

Quem pode ser lucro real?

Algumas empresas devem, obrigatoriamente, optar pelo regime do Lucro Real em razão da atividade que exercem (ex.: instituições financeiras, factoring) ou de auferirem receita bruta anual superior a R$ 48 milhões.

Como saber se a empresa é lucro real ou presumido?

O primeiro passo para saber se a sua empresa está enquadrada no lucro presumido ou no lucro real, é o seu faturamento anual. Caso esse valor seja superior a R$ 78.000.000,00, ocorre o desenquadramento, e a empresa passa para o regime do lucro real.

Quais as principais características do lucro real?

Características do Lucro Real

Esse regime de tributação engloba os dois principais tributos federais: o Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (IRPJ) e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL). Eles são determinados com base no lucro líquido determinado pela empresa. O IRPJ é de 15% e o CSLL varia entre 9% e 12%.

Qual a vantagem de optar pelo lucro Real?

Em resumo, as vantagens do Lucro Real seriam:
  1. Possibilidade de compensar prejuízos fiscais anteriores (ou do mesmo exercício).
  2. Reduzir ou suspender o recolhimento do IRPJ e da CSLL (utilizando balancetes mensais).
  3. Utilização de créditos do PIS e COFINS.
  4. Possibilidades mais amplas de Planejamento Tributário.

Como saber qual o regime tributário de uma empresa?

O Regime Tributário, Regime de Apuração, ou Regime de Recolhimento pode ser consultado tanto no SINTEGRA quanto no Cadastro Centralizado de Contribuintes.

Como descobrir o enquadramento de uma empresa?

O primeiro passo é acessar o site oficial da Receita Federal, informar o CNPJ de sua empresa ou daquela que deseja obter informações e por fim clicar em consultar.